» » Trembolona – Conheça o Ciclo do Anabolizante Potente

Trembolona – Conheça o Ciclo do Anabolizante Potente

..

O acetato de trembolona é um esteroide androgênico anabolizante (EAA) de uso veterinário, um dos mais potentes esteroides anabolizantes da atualidade. Trembolona vem sido utilizado desde os anos 1990 para agir como estimulante de apetite e de crescimento muscular para atletas que buscam rápidos resultados no desenvolvimento corporal.

A redução do catabolismo é outro efeito comum entre os consumidores. Sua apresentação é na forma injetável (intramuscular). A ação e resultados da trembolona no organismo, assim como sua composição química, são muito parecidos com a nandrolona.

Ciclo de trembolona

O ciclo de trembolona deve ser feito com o uso de testosterona, pois quando consumido sozinho, esse esteroide anabolizante acaba com a produção natural de testosterona pelo organismo.

O tempo de duração do ciclo é de 8 a 12 semanas, com dosagem usual de 50 mg/dia, podendo ser aumentada para 80 mg/dia, a depender da tolerância do usuário aos efeitos colaterais da droga indicada para uso veterinário.

Atletas utilizam doses de 50 a 200 mg/por dia, a depender dos seus objetivos:

  • Ganho de massa muscular: 50 a 100 mg por dia;
  • Definição corporal: 100 a 200 mg por dia;
  • Hipertrofia muscular e ganho de força: 100 a 150 mg por dia.

Efeitos colaterais da trembolona

Embora apresente resultados muito promissores no que diz respeito ao ganho muscular– com ação até cinco vezes maior do que a da testosterona –, por outro lado, a trembolona pode ser bastante nociva para a saúde humana.

Os principais riscos são a tosse, perda de cabelo, acne, alteração nas estruturas lipídicas (impactando os níveis de colesterol LDL e HDL), paranoia, medo irracional, aumento da frequência cardíaca e pressão arterial, problemas renais, disfunções sexuais e até mesmo a morte.

Falta de apoio médico para o uso de trembolona

Por todos os riscos envolvidos, o uso de trembolona por humanos é desaconselhado pelas diferentes entidades médicas em todo o mundo. Tanto é que sua fórmula comercial, a “Parabolan”, foi descontinuada e parou de ser vendida desde 1997.

Pessoas grávidas ou em processo de amamentação devem ficar bem longe dessa substância, assim como crianças, adolescentes, idosos e doentes crônicos.

Evite o uso de qualquer substância sem orientação médica. Caso tenha certeza de que quer seguir adiante com esse processo, ouça um profissional para verificar a que tipo de efeito colateral você poderá estar exposto. Cuide-se!

Atualizado em: 15/02/2019 na categoria: Anabolizantes



..